Comece seu projetoExploreLupaLoginBlog
Comece seu projetoExplore
User
Report Sustentabilidade
Chegou junto em Março de 2014
Apoiou 4 projetos
Report Sustentabilidade ainda não criou nenhum projeto.

Apresentação

O Sujeito é uma plataforma de financiamento coletivo (crowdfunding) de produção de conteúdo jornalístico, livre e independente, aberta a qualquer pessoa ou formato – texto, vídeo, fotos, voz ou tudo junto.

Propósito

A proposta de O Sujeito é criar um caminho alternativo ao modelo de negócios tradicional da produção jornalística, ainda dependente de veículos editoriais para intermediar produtores de conteúdo e seus públicos. A ideia é que os leitores possam escolher o tipo de jornalismo que querem consumir e incentivar por meio de financiamento direto. Por sua vez, os jornalistas terão na plataforma uma oportunidade para viabilizar sua produção e, em última análise, viver dela, sem depender do escasso emprego formal. O Sujeito não tem um corte editorial, nossa causa é o jornalismo. Claro, que os projetos deverão respeitar princípios básicos que serão descritos e farão parte do compromisso assumido pelo autor no momento da inscrição. Agora imagine você em breve podendo escolher entre 20, 30, 50, 100 projetos de jornalistas das mais diferentes trajetórias e procedências, que encontrarão em O Sujeito um canal para desenvolver livremente jornalismo de qualidade e relevante para a sua audiência.

Publicação livre

O produto financiado por meio de O Sujeito terá apoio da rede de relacionamento do canal e do próprio idealizador do projeto e será disponibilizado nos veículos que os produtores escolherem: blogs, mídias sociais, materiais impressos, já existentes ou que vierem a ser criados, entre tantas outras possibilidades. O Sujeito não deve ser entendido como um veículo de publicação, mas uma plataforma de viabilização de jornalismo independente, cuja publicação é de escolha e responsabilidade do autor.

Como O Sujeito vai apoiar os projetos?

Curadoria editorial

Com um grupo de jornalistas experientes entre nossos fundadores, O Sujeito tem condições de oferecer orientação técnica consultiva para enriquecer a pauta jornalística e tudo que envolve sua publicação: formato, abordagem, linguagem, momento, desdobramentos, atalhos, riscos e oportunidades. Mas, claro: a decisão é livre e apenas do autor. Vale reforçar que não há uma linha editorial específica, a relevância do conteúdo é determinada pelo sucesso do projeto junto ao público financiador. É necessário, no entanto, respeitar dois princípios fundamentais: - Respeito aos preceitos dos Direitos Humanos - Defesa da qualidade jornalística – isenção, correção, diversidade de pontos de vista e confidencialidade.

Consultoria em financiamento coletivo

O Sujeito apoia a apresentação do projeto para os financiadores, fornecendo diretrizes para a estruturação do texto descritivo, para a elaboração do vídeo e definição das ofertas de recompensas, de maneira a torna-lo mais atraente e ampliando suas chances de êxito.

Divulgação

O Sujeito amplifica a visibilidade e repercussão dos projetos que buscam financiamento, apoiando a construção de um plano de divulgação e ativando sua rede de relacionamento.

Conexões e continuidade

O Sujeito promove a ampliação da rede pessoal do produtor, criando conexões com novos leitores e interessados em jornalismo independente, além de permitir o encontro do autor com veículos alternativos de publicação jornalística. Em breve, estaremos disponibilizando uma lista de sites de parceiro publicadores, como o Brasil Post. Cria-se também a possibilidade de se construir uma comunidade de leitores em torno do autor, o que viabiliza a continuidade de sua produção a partir de novos projetos.

Como funciona

Passo a passo

  1. O autor tem uma ideia de produção jornalística e entra em contato com a equipe de O Sujeito através do e-mail contato@osujeito.com.br;

  2. O pessoal do O Sujeito pode ajudar a torna-la mais atrativa do ponto de vista editorial ou mais acessível para o financiamento coletivo;

  3. O projeto é publicado em O Sujeito e tem um prazo fixo para captar o recurso total necessário;

  4. O Sujeito promove o projeto e o autor faz o mesmo em sua rede;

  5. Ao término do prazo, o projeto tem a grana ou não (o modelo é tudo ou nada, ou capta todo o recurso necessário e até mais, ou o dinheiro é devolvido aos financiadores, se a captação ficou abaixo do que foi pedido);

  6. O autor produz o conteúdo e o publica onde quiser, sempre informando seus financiadores e os recompensando com algum mimo previamente definido;

  7. Produção publicada, autor feliz, público satisfeito. É o que buscamos.

Descrição dos tipos de projetos

O Sujeito busca fomentar e financiar projetos jornalísticos independentes que sejam de interesse da sociedade. Todo e qualquer tipo de projeto jornalístico é bem-vindo: reportagem escrita, documentário, web-série em vídeo, revista, amostra fotográfica etc. Pode ter cunho investigativo, artístico ou de entretenimento. podem ser reportagens curtas ou projetos multimídias complexos. O importante é que despertem o interesse da sociedade, estimulando o público a apoiar financeiramente a sua produção.

De onde vem o dinheiro que financia os projetos?

A larga experiência do Catarse e de outros canais internacionais comprova que pelo menos 50% virá da própria rede de contatos do autor do projeto. Portanto, entenda O Sujeito como uma forma muito efetiva de você se aproximar das pessoas que conhecem e apreciam o seu trabalho e expandir essa rede por meio da divulgação nas mídias sociais, jornais, revistas, blogs e, claro, no boca-a-boca.

Dá muito trabalho?

Sim! Acredite: não é pouco. Não tem nada de “grana fácil na Internet”. Você terá que trabalhar bastante antes, durante e depois do período de arrecadação. Mas vale muito a pena. Esse processo vai te ajudar, além de realizar o projeto, a fortalecer a sua rede com pessoas que acreditam no seu trabalho, a criar novas oportunidades e a formar uma prática empreendedora e de planejamento, entre outras habilidades. Provavelmente, depois da primeira vez, você vai enviar e fazer outras pautas e projetos.

Quanto custa pra usar O Sujeito?

Não custa nada para enviar um projeto. Isso ocorre depois, atingindo (ou superando) a meta. Com o financiamento garantido, O Sujeito, como canal, fica com 13% para a administração do financiamento coletivo, que são totalmente repassados ao Catarse. Este valor inclui tanto a comissão do Catarse, como a taxa de viabilização do meio de pagamento, que processa as transações.

Conselho curador

O Sujeito conta com um Conselho Curador, formado pelos idealizadores e fundadores do canal que, brevemente, terá também outros nomes para aportar valor, especialidade e uma visão plural da rede que queremos formar. Hoje somos:

Envie seu projeto

Você tem o perfil que procuramos?

Se o seu projeto já está no Catarse e você quer fazer parte deste canal, envie pra gente: contato@osujeito.com.br

Se o seu projeto ainda não está no Catarse, faça um rascunho dele nesse link e envie pra gente: contato@osujeito.com.br